segunda-feira, 29 de março de 2010

Eu queria ser o rei da discórdia
Te chamar de bixa
E você de puta safada
Me meter em encrencas
Fazer xixi pela escada

O rei do caos
Arauto das sombras
Como é chato ser careta
Seguir velhas condutas
Ser o pseudo-bonzinho
Isso nada adianta
Pois no fundo do ser
Os pensamentos são outros
No fundo do ser
Está inerte a raiva e o ódio
Sei ferir o seu orgulho
Só para você mostrar esse lado sombrio
Tenho mais gosto disso
Do que escutar a mentira do amor
Palavras belas porem falsas
Palavras frias mais sólidas
Porem mais reais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário