terça-feira, 1 de março de 2011

Homero lero lero

quem matou prometeu, não jurou ira aos homens
quem abriu pandora arrancou seus medos e temores
quem decifrou o pássaro leão foi um doido varrido
quem degusta Homero não morre indigesto

Nenhum comentário:

Postar um comentário