quinta-feira, 10 de maio de 2012

Sobre o meu trabalho

não importa o que eu sou quem sou, o que importa é a palavra, o outro eu que exponho, que se agride e as vezes agrada, que faz questão de ser um meteoro em ascendente trajeto para a colisão, sou leão, também sou rato, sabe o tipo que sabe quem é, sim , sei!? nada adianta eu sou eu sou, e a palavra não segue adiante, sabe, parece que anda com o fogo do chicote do tinhosa na sola dos pés, se corre, é pelas sombras que foge, entre todos os lordes e os peões, todos eles não sabem, mas eu sei, sabe, aquele tipo que acha que sabe?

Nenhum comentário:

Postar um comentário