sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Metamar


Hoje sonhei além mar
Mas essa mar é meu
Meu amar
Sossegado sem alamar
O que os teus olhos lembram
Lembram também de inflamar
Minha cama teu cheiro o nosso vicio
Amar
Apenas amar
Se não posso
É porque está além mar
Meu mar de saudades
Meu mar de intenções
Meu amar que me afoga ao pensar em ti
Além mar...

Nenhum comentário:

Postar um comentário